..

Secretaria de Educação e Cultura e CECANE discutem sobre a merenda escolar

Secretaria de Educação e Cultura e CECANE discutem sobre a merenda escolar

 

 

Da Redação/Assessoria

 

Nos dias (7), (8) e (9) a Secretaria Municipal de Educação e Cultura, CAE (Conselho da Alimentação Escolar), Controladoria Interna, presidente da Cooperativa Familiar Solidária, agentes do PNAE (Programa Nacional de Alimentação Escolar) e CECANE Paraná (Centro Colaborador do Paraná) estiveram reunidos no auditório da Prefeitura para discutir sobre a Alimentação Escolar.

Este foi um momento para atualização, debates e trocas de experiências entre os envolvidos. As nutricionistas do PNAE e CECANE Fernanda Manera e Nathalia Camargo discutiram e orientaram sobre o programa.

Avaliação

Apresentou-se o histórico do PNAE e fez-se um paralelo de como era a alimentação escolar antes e depois deste.

A nutricionista Fernanda Manera, destaca que o munícipio de Santa Helena está bem alinhado e em bom andamento com a legislação.

“É importante ter esta conversa para que a alimentação flua de maneira eficiente. Deve ser feita constante melhoria para continuar servindo alimentos de qualidade aos alunos”, explica.

Durante os três dias, as profissionais visitaram escolas e CMEI´s municipais, juntamente com a nutricionista Sandreline Donin Bender, para verificação das condições de armazenamento, manipulação e higiene dos alimentos.

Agricultura familiar

A partir da descentralização do governo que passou a incentivar a agricultura familiar, 30% dos recursos do Governo Federal são aplicados na alimentação escolar. Desta forma, fortalece o desenvolvimento sustentável dos municípios e ao mesmo tempo propicia uma alimentação mais saudável e adequada para os alunos.

 

 

Objetivo principal do PNAE

Suprir parcialmente as necessidades nutricionais dos alunos beneficiários, através da oferta de no mínimo uma refeição diária, visando atender os requisitos nutricionais referentes ao período em que este se encontra na escola.

Segundo Fernanda Manera, “a participação contínua da nutricionista na elaboração do cardápio favorece o crescimento, o desenvolvimento, o rendimento escolar dos estudantes, a aprendizagem e a formação de hábitos alimentares saudáveis, por meio da oferta da alimentação escolar e de ações de educação alimentar e nutricionais que é de extrema importância, ressalta”.

Contribuição

Para as nutricionistas da Secretaria Municipal de Educação e Cultura, a assessoria com o CECANE veio para dar uma visão paralela do serviço executado pelo setor, sanando dúvidas e assessorando nas atividades a serem desenvolvidas ao longo do ano.

Comentários
nenhum comentário
seja o primeiro a comentar esta matéria
Últimas Matérias

 
.