..

Campanha de vacinação contra o vírus HPV continua em Santa Helena

Campanha de vacinação contra o vírus HPV continua em Santa Helena

 

Da Redação/RGL

 

A vacina contra o vírus HPV é mais uma estratégia importante que foi implantada para o enfrentamento do câncer do colo de útero, câncer de pênis e outros cânceres. A vacina está disponível para meninas entre 9 e 14 anos de idade e para meninos de 11 a 14 anos de idade, para dar sequência nas estratégias programadas e melhorar a cobertura desta vacina nos municípios de abrangência da 20ª Regional de Saúde, conforme pactuado na reunião da Comissão Intergestores Regionais, CIB, do dia 4 de agosto de 2017, com os gestores municipais.

Durante a reunião foi definida a data de 19 de agosto como Dia D de vacinação contra o vírus HPV, não sendo uma campanha nacional do Ministério da Saúde. Na última sexta-feira o Ministério da Saúde anunciou que a vacina poderia ser estendida temporariamente para homens e mulheres entre 15 anos a 26 anos de idade, em função dos estoques disponíveis nos serviços de vacinação, o que pode ter gerado confusão na população santa-helenense em virtude da campanha acordada pelos 18 municípios pertencentes a 20ª Regional de Saúde ser feita no dia posterior a divulgação da ampliação da idade.

A meta de vacinação do município de Santa Helena para meninas entre 9 a 14 anos de idade que estão em atraso era de 427, comparecendo um total de 30 meninas, enquanto para meninos entre 11 e 14 anos de idade em atraso era de 589, desses, 91 meninos compareceram nas unidades de saúde.

As vacinas contra a meningocócica C, também está disponível no calendário básico de vacinação do adolescente para a idade de 12 a 13 anos e tem como meta vacinar 461, desses, 40 doses foram aplicadas.

Conforme os Técnicos da Vigilância Epidemiológica, a procura é baixa apesar do trabalho feito nas escolas em virtude da decisão dos pais, que optam em não vacinar os filhos. Um dos fatores é a resistência dos pais por ser uma vacina relacionada a vida sexual, a falta de conhecimento que a dose é segura e das doenças que o vírus causa.

As vacinas continuam a disposição para meninas de 9 a 14 anos de idade, meninos de 11 a 14 anos de idade e temporariamente para homens e mulheres de 15 a 26 anos de idade, em todas as Unidades de Saúde do município. Para vacinar é preciso estar munido da carteira de vacinação, conforme detalha Luísa Soalheiro, secretária de Saúde de Santa Helena.

 

 

 

 
 

 

 

 

Comentários
nenhum comentário
seja o primeiro a comentar esta matéria
Últimas Matérias

 
.